Blog da família Coutinho, com origem em Sedielos - Peso da Régua, e hoje espalhada pelo mundo. Este será um meio de comunicação entre nós e os amigos. Publicaremos também alguns artigos de interesse geral, nomeadamente sobre o nosso querido Douro.

Quarta-feira, 1 de Agosto de 2007
FIM DE SEMANA FAMILIAR

  OS

COUTINHOS 20, 21, 22 Julho

Por: Sara Coutinho

Volvido mais um ano e realizou-se de novo o tão ansiado Fim Semana Familiar

 “OS COUTINHOS” 2007

O prazer de rever a família, sobrepõe-se a qualquer outra emoção.

A matriarca deste clã, é sem dúvida, a nossa Rainha Mãe, que nos acolhe como pode e ainda nos dá todo o carinho, que só uma extremosa AVÓ o sabe fazer...

O nervosísmo da avó aumenta, porque ainda quer participar nas tarefas, e sobretudo orientar, para que nada falhe...e não poderia ser de outra forma, neste fim semana está implícito o que de melhor há na vida...A FAMÍLIA...

Depois de comprado o necessário, é altura de colocar organizadamente nos respectivos lugares...o que é de frigorífico vai para o frigorífico, o que é de cozinha, vai para a cozinha e assim sucessivamente...e depois de tudo organizado e dos archotes colocados em redor do nosso “Espaço Anfitrião” é altura de esperarmos pelo resto dos familiares, mas como 24 horas ainda faltavam para isso acontecer, os que já cá estavam, tinham de se alimentar...degustamos um belo salmão grelhado...estava óptimo, ideia da tia Arménia...no fim um cafézinho e mais uma revisão no que faltava fazer para o dia seguinte.

De louvar este ano, o trabalho feito pelos tios “lisboetas”, o tio Gino e o tio Jorge...fizeram um trabalho de primeira...o tio Gino, tratou de meter as mãos na electrificação e tornou tudo de fácil uso e com mais segurança, o tio Jorge, cuidou do nosso “barraco” que dá apoio à cozinha e à mesa de refeição...o nosso “barraco”... agora, mais parece uma suite de luxo...tem prateleiras para as batatas, prateleiras para os utensílios e ainda para podermos tirar uns cafézinhos...depois deste excelente trabalho, que todos vão adorar, é hora de nos recolhermos.

Começou a contagem decrescente para a abertura do Fim Semana Familiar “Os Coutinhos”...a pouco e pouco, o resto dos familiares vão chegando e com eles a boa disposição, que já é habitué...os abraços acalorados, porque as saudades já apertavam e a felicidade de saber que estão todos a gozar de óptima saúde.

Para abrir em beleza o nosso encontro, bebemos um vinho do porto em honra de todos os presentes.

Começou o convívio e com ele a união reinante entre todos...o que mais me deixa feliz, é podermos partilhar entre todos, as histórias de mais um ano...e absorver o carinho com que todos nos relaciona-mos...chega a ser emocionante...está tudo pronto para o jantar, e em volta da mesa o mais importante...a família...faltando apenas o nosso estimado tio, o Vitinho, que este ano não pode estar presente...findo o jantar e a sobremesa, já nos preparávamos para ver as fotos e filme do “encontro anterior”...foi só rir, estavam excelentes...

Este ano o tempo pregou-nos uma partida, estava um frio imenso, as mantas da avó serviram na perfeição, para agasalhar os pés e claro uma bebida para todos, para aquecer o espírito...estávamos todos em amena cavaqueira...numa tertúlia familiar, em que a alegria e boa disposição não podiam faltar, mas era hora de recolher...a alvorada do dia seguinte deu-se por volta das 10 horas da manhã...os jovens alimentam-se convenientemente, com um pequeno almoço reforçado...espera-os uma longa caminhada pela aldeia e arredores, onde goza a história da família.

Já mais enriquecidos com a história dos nossos antepassados, os jovens reclamam por um bom almoço, porque a caminhada os deixou famintos...mas o almoço não estava pronto há hora prevista...imprevistos também acontecem...não foram acatadas as sabedorias da nossa rainha mãe, a avó Leontina, e a carne demorou a assar...mas para abrir o apetite, bebe-se um favaios...o almoço finalmente vai para a mesa...todos eram unânimes, demorou, mas valeu a pena...a carne estava deliciosa, com arroz de forno e uma boa salada a acompanhar...depois deste petisco, só mesmo um café para acordar...

Encarregue já está o Jorge de montar e testar a aparelhagem, para a diversão nocturna...mas depois de umas risadas entre os mais velhos e de alguns copos de licor beirão, a diversão que se esperava nocturna, começou mais cedo...e até se tornou engraçada...já todos dançavam ao som do Quim Barreiros...depois de testada a aparelhagem, e deste belo bailarico que serviu de digestão, já nos esperava mais uma tainada, o jantar e desta vez, um belo arroz de pato...receita da tia Arménia e da tia Zé e com ajuda da Paulinha...a mana caçula...maravilhoso este menú...este ano inovou-se na maneira de servir, foi self-service. E não é que funcionou?????? Está instituído este novo conceito...depois de uma bela sobremesa, (fruta, gelatina e de uma torta de bolacha), que não levou mais de dois minutos a desaparecer, já estávamos no café...o Karaoke Familiar, estava a ser preparado e com a presença dos nossos primos franceses, iria ser ainda mais divertido...o Jorge não teve mãos a medir, os pedidos não se fizeram esperar...entre uns licores beirão aquecidos e cantorias, todos estavamos super felizes e divertidos...paródia total...mais uma rodada de licor beirão e mais umas quantas cantorias...o Karaoke Familiar foi um êxito e já era aquisição pedida para o próximo ano...os resistentes, ficaram para petiscar algo e a conversa foi pela madrugada fora...

O dia acordou um pouco enublado e da nossa reunião familiar, passamos para o Encontro de todas as nossas raízes...são setenta pessoas a rodear o coreto de S. Tiago...a árvore geneológica da nossa família está quase toda reunida, com a excepção de alguns familiares...É a história dos Coutinhos, viva em cada voz...entre todos, surge o abraço acalorado e saudoso e as novidades não demoram a fluir...

Para ementa, foi servido, entrecosto e frango assado e os talheres não tardaram em mexer...o convívio é de muita alegria, muita conversa e as recordações de outros tempos, chegam com sabedoria...o bailarico esse é da praxe e não pode faltar, todos já rodopiam ao som da música popular...o convívio prolongou-se pela tarde dentro, e ao fim da tarde, uma sardinha com pão e um caldo verde, fizeram as delícias de todos...está a chegar a hora de encerrar este apoteótico Fim Semana Familiar “Os Coutinhos” 2007...o coração já aperta, a hora da despedida é doce, mas por si já saudosa...teremos de esperar mais um ano para rever quem tanto gostamos...a vida é assim, cada um tem que rumar até ao seu porto e seguir o seu barco, chamado VIDA...


No final de tudo, fica a maior lição, que sem a família não somos ninguém...

 




publicado por MSC às 00:21
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

FIM DE SEMANA FAMILIAR

arquivos

Junho 2013

Dezembro 2012

Julho 2012

Dezembro 2009

Outubro 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Agosto 2008

Maio 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Outubro 2006

Agosto 2006

Maio 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

tags

todas as tags

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds